• obefoftalmologia

Como acontece a cirurgia de catarata?





O que é catarata?

O cristalino é a lente natural do olho.

Quando está saudável, é transparente e flexível.

Mas quando temos catarata, ele se torna opaco, o que distorce e embaça a visão.

A maioria dos casos de catarata acontece como parte do processo de envelhecimento, mas é possível desenvolver a doença como consequência de traumatismos oculares, do uso inadequado de algumas medicações, como complicação de alguma outra doença, ou por excesso de exposição à luz solar.

Algumas doenças, como rubéola, sífilis ou toxoplasmose durante a gravidez, podem fazer com que o bebê nasça com catarata (catarata congênita).


O Tratamento


Na cirurgia de catarata, a lente natural dos olhos é removida e substituída por uma lente artificial (chamada lente intraocular) para restaurar a visão.

O procedimento é bastante seguro e, normalmente, é realizado em nível ambulatorial e não requer que o paciente fique internado em um hospital ou centro de atendimento médico.



Antes da cirurgia:

Seu oftalmologista medirá seu olho para definir o foco adequado para sua nova lente intraocular.

Pode ser receitado medicamentos antes da cirurgia para prevenir infecções e reduzir o inchaço durante e após a cirurgia.


A Cirurgia:


Seu olho será anestesiado com colírios ou com uma injeção ao redor dos olhos.

Você estará acordado durante a cirurgia, podendo ver a luz e o movimento durante o procedimento, mas não verá o que o médico está fazendo no olho.

Seu cirurgião entrará no olho através de minúsculas incisões (cortes, criadas pelo laser ou uma lâmina ) perto da borda da córnea (a cobertura transparente na frente do olho) .

O cirurgião usa essas incisões para alcançar a lente do olho.

Usando instrumentos muito pequenos, ele removerá a lente natural que encontra-se opaca.

Então, a nova lente é inserida.

Normalmente, as incisões são de "auto-vedação" e irão cicatrizar sozinhas, o que não exige sutura.







Recuperação de Cirurgia de Catarata

Dias ou semanas após a cirurgia:

Será receitado colírios após a cirurgia.

Certifique-se de seguir as instruções do seu médico no uso dos medicamentos.

Evite receber sabão ou água diretamente nos olhos.

Não esfregue ou pressione o olho.

Seu oftalmologista vai falar com você sobre o quão ativo poderá ser após a cirurgia.


Fontes:

Conselho Brasileiro de Oftalmologia

Academia Americana de Oftalmologia

Av. Arouca, 791 - Centro, Passos - MG, 37900-152

Agende sua consulta: 

(35) 3522-6537

(35) 3521-6888