• obefoftalmologia

Olho seco por evaporação é epidemia

Olho seco por evaporação


Um estudo publicado na ARVO, (maior instituição no mundo de pesquisas sobre visão e oftalmologia), diz que uma das disfunções visuais que mais cresce em todas as faixas etárias é o olho seco evaporativo

No Brasil, o olho seco evaporativo atinge 25 milhões de brasileiros, na proporção de três mulheres para cada homem.





A pesquisa da ARVO mostra que a disfunção chega a afetar quase 70% da população em várias partes do mundo. O olho seco por evaporação é a forma mais comum de síndrome do olho seco.




A síndrome do olho seco é uma condição desconfortável causada pela falta de lágrimas de qualidade. Geralmente é causada por um bloqueio das glândulas sebáceas que revestem as margens das pálpebras. Essas pequenas glândulas, chamadas glândulas meibomianas, liberam óleo para cobrir a superfície dos olhos e impedem que as lágrimas sequem.



Quais são os sintomas?

Os sintomas variam em gravidade.

Em geral, seus olhos se sentirão desconfortáveis. O desconforto pode incluir:

areia, como se houvesse areia em seus olhos, sensação de ardência, visão embaçada, incapacidade de tolerar o uso de lentes de contato, sensibilidade à luz, fadiga ocular, especialmente depois de trabalhar no computador ou ler.

Seus olhos também podem ter uma vermelhidão aumentada ou as pálpebras podem parecer inchadas.


O que causa?

Lágrimas são uma mistura de água, óleo e muco.

Eles revestem o olho, tornando a superfície lisa e protegendo o olho contra infecções.

A mistura adequada de lágrimas também ajuda a ver claramente.

Se suas glândulas meibomianas ficarem bloqueadas ou inflamadas, suas lágrimas não conterão a quantidade certa de óleo para impedir a evaporação. Isso pode causar ao Olho Seco por Evaporação.

As glândulas podem ficar bloqueadas por vários motivos.


Se você não piscar com frequência suficiente, poderá desenvolver um acúmulo de detritos na borda das pálpebras, bloqueando as glândulas meibomianas.

Concentrar-se fortemente na tela do computador, dirigir ou ler pode diminuir a frequência com que você pisca.

Outros fatores mais raros também podem causar a síndrome, por isso, é fundamental consultar um especialista.

Se tratado precocemente, os bloqueios da glândula meibomiana podem ser revertidos. Em alguns casos, o desconforto pode ser crônico, exigindo tratamento contínuo dos sintomas.


Se não for tratado, a dor e o desconforto podem dificultar a leitura, a condução ou a realização de atividades diárias. Também pode resultar em complicações graves. Pode aumentar o risco de infecções oculares, incluindo infecções que podem cegar, porque suas lágrimas não são adequadas para proteger a superfície dos olhos.

Seus olhos podem ficar inflamados ou você pode ter um risco maior de arranhar sua córnea ou danificar sua visão.


Consulte o médico oftalmologista


Fonte: ASSOCIATION FOR RESEARCH IN VISION AND OPHTHALMOLOGY (ARVO)

38 visualizações

Av. Arouca, 791 - Centro, Passos - MG, 37900-152

Agende sua consulta: 

(35) 3522-6537

(35) 3521-6888